domingo

Sonho...


Imagem: Carlos Djalma
Sou a mais sublime das essências
As ardências dos anseios mais humanos
As escritas dos papiros mais antigos
Os espaços explorados mais estranhos.

Sou o êxtase dos versos dos poetas
As mensagens divinas dos seus anjos
O recôndito das paixões mais segregantes
Das sereias, o mistério dos seus cantos.

Chamam-me Sonho.
(Carlos Barros)

24 comentários:

frAgMenTUS disse...

adorei ler este sonho embora,pela sua própria subjectividade, talvez não o "descodificasse" no seu pleno sentido :)

dia feliz

MPereira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vivian disse...

...passeio por aqui,
como se num jardim
encantado,
pisando cuidadosamente,
para não machucar a
alma do poeta de sonhos.

smacksss, lindo!

Carlos Barros disse...

Sim, é subjetivo e bem o decodificaste. Tentei modestamente descrever de que composição é constituído o sonho, através da licença poética.

Abraços, que tenhas mais um dia feliz.

A Flor do Sul disse...

Antum wadat al junoub, kedelik.

Abração.

A Flor do Sul disse...

quis dizer antum wardat al junoub kedelik.

lua. disse...

oi!
Obrigada por me acompanhar aqui!
Parabéns pelo blog, está muito bonito!

http://milagredosnovostempos.blogspot.com

Serena Flor disse...

Seu blog é lindo e de extremo bom gosto meu querido.
Todos os poemas são de uma suavidade que dá gosto de ler. Fiquei apaixonada pelo seu cantinho.
Obrigada pela visita, comentário e por seguir meu humilde blog.
Beijos.

Tatiana disse...

Carlos... suas palavras doces deram vida ao sonho.

Que tenhas sempre belas inspirações assim!

Um abraço carinhoso

Déia Arakaki disse...

Boa Tarde Carlos!!
Primeiramente vom agradecer a sua presença em meu blog, e tambme por seu comentario..


Ah os sonhosss..
O que seria da alma do ser humano se não houvessem os sonhos?
O que seria dos poetas se nap sonhassem?
Lindo espaço o seu viu!!

Um beijo e muita luz pra você !!

FERNANDA & ASTROLOGIA disse...

QUERIDO CARLOS, BELÍSSIMO POEMA... QUE SERIA DA VIDA SEM SONHOS...
SUBLIME!!!
UM ABRAÇO DE CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

Sereia Azul* disse...

O SONHO acompanha-nos! Vive em nós nos seus diversos estágios!

Um lindo poema, Carlos!
Parabéns por este blogue 5estrelas!!!

Um abraço de brisa marinha*

Sereia Azul*

manzas disse...

Interessante blogue,
Gostei e voltarei...

Sem nada saber
Sem nada dizer
Sem nada falar…
É um simples ser
Que expõem o seu pensar
Proferindo a frase certa…
Ao descrever o seu ver
Distingue-se ao escrever
Como um louco poeta

O abraço…

isabel mendes ferreira disse...

grata pelas visitas ao Piano e que assim me permitiram descobrir um espaço diferente.....:)


cordialmente.

Suspiros do Silêncio disse...

Nos sonhos a linguagem do coração é decifrada...

Belas poesias em seu blog.

Bj.

Flor disse...

Sonhar é o q há d melhor, isso ninguém pode nos tirar...

Lindo verso! =)

Carlos, vim agradecer sua visita ao meu blog! E dizer q voltarei + vezes aki p me encantar com suas lindas palavras!

Bjos!
=**

Suspiros do Silêncio disse...

Com carinho, compartilho com você o selinho SOBREVIVENTE AO ROMANTISMO, passa no meu blog para pega-lo.

Desejo uma semana de muita inspiração.

Beijos.

neide disse...

Bela descrição sobre o sonho, perfeito. É lindo seu cantinho poeta, voltarei mas vezes.

Ótima semana.

Bjss

Paula Raposo disse...

Lindo este poema!! Obrigada por me visitares e deixares as tuas palavras. Beijos.

Ferina*izil* disse...

Realmente quanto mais leio seu blog, mais me encanto.
Esta poesia esta sublime.
abraços

de uma olhadinha no meu outro blog.
http://izil.blogspot.com/

izil

technology disse...

Some of the content is very worthy of my drawing, I like your information!
costume jewelry

Analuka disse...

Muito bonito o teu blog, caro Carlos!
Permitirias que eu publicasse um de teus poemas, um dia desses, lá em meu espaço alado azul?

Gostei muito daqui, certamente voltarei outras vezes.

Bela a pintura d Carlos Djalma.

Abraços alados e luz!

ellen disse...

ohhhhh que lindo esta transcrição do SONHO :) adorei.

Beijinho

sua música de fundo é relaxante :)

Emília Araruna disse...

S onhe sempre
O bserve que
N ão existem
H istórias sem o
O nírico...

Tomei a liberdade de fazer uma pequena ‘brincadeira’ com a sua poesia... Não sou poetisa (esse dom eu não possuo), mas gosto de interpretar o que vocês, poetas, tentam nos dizer com suas poesias e fiquei pensando no quanto o SONHO é importante para todos nós!!!

EA